Map route

CAÑADA REAL DE GATA

Inicie sessãoou registe-se para votar ou adicionar aos favoritos

Registo: PR

Formas de viagem : A pé

  • Janeiro red
  • Fevereirogreen
  • Marçogreen
  • Abrilgreen
  • Maiogreen
  • Junhogreen
  • Julhogreen
  • Agosto
  • Setembro
  • Outubro
  • Novembro
  • Dezembro
  • Óptima: verde
  • Media: amarela
  • Mala: vermelho

Distância Distância: 18,6 km

Altura máxima Altura máxima: 383,7 m

Altura mínima Altura mínima: 249 m

Inclinação positiva (ida) Inclinação positiva (ida): 285 m

Diferença negativa (volta) Diferença negativa (volta): 278 m

Tempo previsto Tempo previsto: 5 horas y 15 minutos

Rota Tipo Rota Tipo: Travessia

Descrição:

O percurso liga as localidades de Estorninos e Zarza la Mayor, ou vice-versa, pois ao tratar-se de um trilho de tipo travessia, pode iniciar-se ou terminar num ou noutro extremo. Para ligar estas duas localidades passa por Piedras Albas, usando uma boa parte da Cañada Real de Gata. Trata-se de um trajecto cuja única dificuldade é a sua extensão, já que não apresenta grandes declives e os caminhos por onde se efectua estão em bastante bom estado.

O maior interesse deste percurso reside no aspecto paisagístico, pois efectua-se por grandes extensões de montados de azinheiras (Quercus ilex subsp. ballota), em muito bom estado de conservação, onde aparecem grandes afloramentos graníticos, sobretudo no troço entre Estorninos e Piedras Albas, cujas pastagens húmidas de talvegue constituem o habitat do rato-de-cabrera (Microtus cabrerae), uma das espécies de maior interesse no Parque. Oferece também boas possibilidades de observar o vôo de grandes aves, pelo seu traçado paralelo e próximo ao rio Erges, cujos canhões são largamente utilizados por águias-reais (Aquila chrysaetos), abutres-do-Egipto (Neophron percnopterus), águias-de-Bonelli (Hieraaetus fasciatus), grifos (Gyps fulvus) e cegonhas pretas (Ciconia nigra). Também se podem avistar numerosas aves florestais ao longo do trajecto, como a pega-azul (Cyanopica cyana), o bico-grossudo (Coccothraustes coccothraustes), o chapim-azul (Parus caeruleus), o chapim-real (Parus major) ou o tentilhão-comum (Fringilla coelebs).

Outro atractivo desta travessia é que enlaça com outros dois percursos oficiais do Parque Natural: o circular da Ponte Romana de Alcántara, perto de Estorninos, e o do Montón de Trigo, perto de Zarza la Mayor. Esta última localidade apresenta um património histórico interessante, onde se destaca a fonte Conceja (Bem de Interesse Cultural com categoria de Monumento).

Meio MIDE: O meio não está isento de riscos

Itinerário MIDE: Sendas ou sinalização que indica a continuidade

MIDE displacement: Muita superfície lisa